Notícias Esporte » Cuiabá

11 de Setembro de 2017 às 16:35h

Cuiabá Rugby fará história com final na Arena Pantanal

Arena Pantanal sediará partida de rugby pela primeira vez em sua história

O Cuiabá Rugby Clube (MT) encarará o Rugby Sem Fronteiras (DF) em segundo confronto válido pela final da Copa Brasil Central de Rugby XV, competição conhecida popularmente como “Pequi Nations”, no próximo sábado (16.09), a partir das 16h, em Cuiabá. E a entrada será apenas um quilo de alimento não perecível ou um litro de óleo de cozinha, que serão doados para uma instituição filantrópica, a Santa Casa de Misericórdia de Cuiabá.

.

De acordo com o presidente do Cuiabá Rugby Clube, André Dorileo, a final da Copa Brasil Central de Rugby é disputada, anualmente, entre os atuais campeões da Taça Pantanal, o Cuiabá Rugby e da Taça Cerrado, o Rugby Sem Fronteiras. E, segundo ele, a final é sempre realizada em dois confrontos, um como visitante e outro como mandante. E, no primeiro, o Sem Fronteiras venceu por placar de 23 a 15. O que obrigará o Cuiabá Rugby a vencer com diferença de nove pontos.  

.

“Jogar na Arena Pantanal é sinal de que começamos a ser vistos e reconhecidos. O que é muito gratificante para um clube que luta por espaço desde a fundação em 2009. Desejávamos jogar na Arena Pantanal desde sua construção. Acho que é um desejo comum de todos os atletas do estado em praticar seu esporte numa arena de Copa do Mundo. Tivemos essa oportunidade neste ano e fomos atrás. E com o apoio da torcida vamos empunhar esse troféu”, diz André.

.

Para o titular da Secretaria Adjunta de Esporte e Lazer de Mato Grosso (Sael-MT), Leonardo de Oliveira, a secretaria tem por finalidade incentivar, apoiar e desenvolver as práticas esportivas e de lazer do estado. E, segundo ele, um modo de colaborar com o crescimento da modalidade esportiva, rugby é permitir o uso democrático do maior palco do desporto do estado, a Arena Pantanal. Um momento que será histórico para as equipes, atletas, familiares e torcedores.

.

“Apesar do Cuiabá Rugby ter perdido o primeiro jogo, que foi na casa do adversário, acredito no esforço dos nossos atletas e sei da capacidade deles para vencer nessa segunda partida. E o apoio das torcidas mato-grossense e cuiabana pode fazer a diferença no placar final. Certamente seria um sonho deles e nosso de vê-los campeões na Arena Pantanal”, comenta o secretário, Leonardo de Oliveira, que assumiu a Sael no início deste ano.

.

Texto e fotos: Junior Martins

Fonte: Junior Martins

Autor: Junior Martins