O seu dia começa aqui

Psicólogo contará tragédia para motorista do acidente que deixou 8 mortos na BR-163

Edmilson era motorista há mais de 20 anos. Ele continua internado na UTI do Hospital Regional
Tragédia deixou 8 mortos e 15 feridos na BR-163 - foto: Reprodução

Edmilson Pereira, de 55 anos, motorista do ônibus envolvido no acidente que deixou 8 mortos na BR-163, em 17 de maio, está em recuperação no Hospital Regional. Segundo uma fonte, a tragédia ainda não foi anunciada para o motorista que será acompanhado por um psicólogo após receber alta da UTI (Unidade de Tratamento Intensivo).

O motorista ficou em estado grave após ter o braço esquerdo decepado no acidente. Edmilson seguia com o ônibus da Expresso Itamarati quando invadiu a pista contrária e colidiu contra uma carreta, há 40 km de Sinop.

Segundo a PRF, entre os feridos, uma criança de 5 anos ficou em estado grave e ganhou alta hospitalar, seis dias depois da tragédia. O irmão e a mãe, de 11 e 47 anos, continuam internados.

Edmilson apresentou melhora no quadro de saúde e está sendo acompanhado pela família em Sinop, porém, a informação sobre o acidente ainda não foi revelada.

Os familiares continuam sendo acompanhados por um psicólogo que deverá preparar Edmilson para o anúncio da tragédia.

A causa do acidente é investigada pela PRF (Polícia Rodoviária Federal).