O seu dia começa aqui

Morre Nilo Neves, revelador de Rogério Ceni no Sinop F.C

Nilo enfrentava graves problemas de saúde desde uma cirurgia cardíaca realizada no ano passado.
Arquivo

Morreu, ontem à noite (23), em Curitiba (PR), o ex-técnico do Sinop F.C, Nilo Alves, aos 80 anos.  Ídolo do Coritiba, com 07 títulos em 386 partidas, nos anos 60, Nilo foi responsável pelos primeiros títulos do Galo do Norte no estadual dos anos 2000 e 2001.

A morte de Nilo, gerou comoção em Curitiba. O portal Um Dois Esportes, em reportagem, publicou as condolências do time que o consagrou campeão. “Cresci com ele e outros ex-jogadores do clube. Sempre muito simpático e nos aconselhando a seguir um bom caminho. Considerado por muitos o maior lateral-esquerdo da história do clube”, escreveu Alex, ídolo do clube.

Em Sinop, Nilo foi responsável por lançar Rogério Ceni, aos 17 anos, no futebol profissional.

 

Características como jogador e a carreira de técnico

Além de bom apoiador, marcava na bola sem cometer muitas faltas. Não foi expulso nenhuma vez. Ganhou 07 títulos pelo Coxa. Pendurou as chuteiras no Palmeiras, de Santa Catarina, aos 32 anos.

A partir daí, virou treinador. Comandou as divisões inferiores do Colorado gaúcho e, como profissional, assumiu os principais times de Mato Grosso (Sinop, Mixto e Operário), além de Francisco Beltrão e Criciúma.

Arquivo