O seu dia começa aqui

Pai suspeito de matar asfixiado filho de 1 ano é indiciado pela polícia

Suspeito do crime - reprodução

O pai , de 22 anos, suspeito de ter matado asfixiado o próprio filho de 1 ano e 8 meses de idade, em Primavera do Leste, foi indiciado pela Polícia Civil. Ele está preso preventivamente.

O crime foi cometido no dia 20 de junho. Conforme o atendimento na UPA (Unidade de Pronto Atendimento), o bebê foi levado pelos pais após alegarem que a criança tinha se enrolado em um fio de carregador por acidente.

No entanto, após análise, a perícia constatou lesões provocadas por violência no corpo do bebê.

O delegado, Allan Vitor Sousa da Mata, comparou o interrogatório do suspeito e o laudo do IML e apontou que o pai bateu a cabeça do menino e sacudiu com força, provocando lesões internas e morto por asfixia.

A mãe da criança também foi ouvida pela Polícia Civil e alegou que não percebeu a ação, mas relatou ter visto o marido na sala alimentando a criança durante a madrugada e quando ele colocou o filho para dormir.

O homem responde pelo crime de homicídio qualificado.