O seu dia começa aqui

Ex-funcionário é preso suspeito de matar cabeleireiro e esconder corpo em porta-malas

Vítima foi encontrada no porta-malas do próprio veículo - foto: reprodução

A Polícia Militar prendeu um ex-funcionário do cabeleireiro, Agnaldo Boldi Saith, de 41 anos, encontrado morto, na segunda-feira (12), no porta-malas de um veículo em sua própria casa. Segundo a investigação, a vítima foi assassinada com golpes de madeira no último domingo (11).

O corpo do empresário foi encontrado pelo funcionário após o homem não aparecer para trabalhar.

O suspeito do crime, de 40 anos, foi preso, logo em seguida, em um ônibus na rodoviária de Primavera do Leste.

Anúncio publicitário

O homem mantinha relação com a ex-esposa da vítima. Segundo ele, Agnaldo desferiu um tapa no rosto após crise de ciúmes.

Vítima do crime – arquivo pessoal

O corpo de Agnaldo foi sepultado nesta manhã (13), no Cemitério Municipal de Sinop.

O crime é investigado pela Polícia Civil.